top of page

IV Mostra Clandestina

Como um retorno às raízes, essa edição teve como tema cinema produzidos por mulheres em Goiás. Exibindo na grade dois longas goianos super premiados, Mascarados de Marcela Borela e Henrique Borela e Parque Oeste de Fabiana Assis e Erico Rassi, e o média goiano Resplendor de Cláudia Nunes seguidos por ricos debates com as diretoras e a produtora convidada Lidiana Reis.
Tivemos nessa edição a nossa primeira Mostra Competitiva de curtas premiando filmes goianos dirigidos por mulheres, com 12 curtas e médias concorrendo à premiações de Melhor Filme por Júri Popular, Melhor Filme por Júri Oficial, Melhor Direção, Melhor Fotografia, Melhor Roteiro, Melhor Edição e Melhor Som.
Para a mostra nacional não competitiva tivemos 26 filmes selecionados, dentre os quase 70 inscritos de 17 estados brasileiros.

Foram três dias de muitas atividades: “Sessão Caliandra (longa-metragem de ficção convidado); Sessão Para-tudo (documentários em longa e média-metragem convidados), Sessão Floração de Pequi (competitiva de curtas-metragens goianos); Sessão Amaranta (curtas-metragens brasileiros e latino-americanos); além do Programa Sempre-vivas com um minicurso intitulado: História das Mulheres no Cinema Goiano”. As sessões Caliandra, Para-tudo e o Programa Sempre-vivas contaram com mesas de debates com as realizadoras, estudantes e pesquisadoras.
 
Após as atividades também aconteceram as culturais. Tivemos Pocket Show com Helena Caetana; Samba, Cidade e Sociedade; e festa de encerramento no CINE TEATRO ROSINHA DO BREJO.

2022

Depois de um hiato devido aos percalços dessa pandemia, a mostra feminina e feminista de cinema da cidade de Goiás voltou em 2022. IV MOSTRA CLANDESTINA - RAIZ CAINANA 2022 aconteceu entre os dias 20 e 22 de outubro com atividades no Cine Teatro São Joaquim e no Mercado Público na cidade de Goiás integralmente gratuitas e abertas à participação.

 

 

bottom of page